fbpx
Por que você nunca consegue se organizar financeiramente?

Por que você nunca consegue se organizar financeiramente?

por Diogo Luiz – Coach Financeiro

 

Em 2012 resolvi fazer uma formação em Ciências Contábeis por gostar de matemática, finanças e por influência da minha esposa que já estava se formando em contábeis também. “Sou bastante organizado com o meu dinheiro”, esse era o meu pensamento.

E com esse pensamento você poderia achar que as minhas finanças eram uma maravilha. Essa não era a minha realidade, infelizmente.

Nesse mesmo ano eu e minha esposa estávamos sofrendo uma das maiores crises no nosso casamento por causa do caos das nossas finanças pessoais.

Sabíamos o que tínhamos que fazer para termos uma vida financeira de sucesso, mas isso somente na teoria, no papel tudo é mais fácil. Nossas finanças eram um fracasso.

Mas foi nessa crise que juntos decidimos dar um basta nessa situação.

Paramos para conversar e descobrimos o porquê com tanto conhecimento e potencial, estávamos destruindo a nossa família por causa da falta de dinheiro.

E é desvendando para você esse “porque” que quero ajudá-lo a mudar o rumo da sua vida financeira e a história da sua família.

O PORQUÊ

A dor é uma sensação desagradável que serve como um alerta de que algo dentro do nosso corpo não vai bem e precisa ser tratado. Ela é um sintoma fundamental, pois serve como uma sinalização para a necessidade de assistência.

Por que estou te explicando isso? Porque essa era a sensação que sentia quando dizia para mim mesmo que precisaria organizar as minhas finanças pessoais: dor.

Eu não percebia que sentia dor, mas todas as vezes que sentava para organizar as contas e fazer o orçamento nunca começava a fazê-lo.

O sofrimento antecipado de ter que abrir mão dos confortos, das vaidades e do status por causa da nossa falta de organização e de não querer tentar se organizar.

Preferíamos viver a nossa vida do jeito que estava, morta financeiramente, do que nos organizarmos e ter que cortar os gastos.

É assim que muita gente se sente muito antes de se preparar para organizar as finanças, com uma dor inconsciente de ter que controlar as despesas, e ter que parar de gastar.

Preferem ter uma vida sofrida gastando a se organizar financeiramente. O que é melhor? Sofrer durante o resto da vida esperando um milagre, mas continuar gastando ou sofrer economizando durante um período, mas depois viver uma vida abundante?

3 SIMPLES PASSOS PARA ACABAR COM O SOFRIMENTO FINANCEIRO

PRIMEIRO SIMPLES PASSO – CLAREZA

Da mesma forma que o nosso corpo é afetado com fortes dores quando estamos doentes, a nossa mente também é afetada quando a nossa saúde financeira não está em boas condições.

Sofrimento e dor são os sentimentos que nos alertam e se você está sentindo-os isso é uma boa notícia.

 Por mais que seja algo ruim, a dor é essencial. Se não existisse a dor não teríamos chance alguma de fazer algo antes de morrer.

 A dor é um sinal que nos diz que algo está errado. É essa a primeira clareza que você tem que ter: a dor é um alerta.

O objetivo da dor é fazer com que você entre em ação. Já o objetivo da clareza é fazer com que você entenda o que está acontecendo e aja de forma inteligente. Entendendo isso, a dor será bem menor e sofrimento também.

SEGUNDO SIMPLES PASSO – DECIDA

Não adianta ter clareza e continuar a não fazer nada.

 Quando o médico descobre que você está doente ele precisa tomar alguma ação, seja por medicamento ou cirurgia. Algo ele precisa fazer para acabar com o sofrimento do paciente.

 A mesma coisa é com as nossas finanças, depois que temos clareza da nossa vida financeira, precisamos agir para acabar com esse sofrimento. A decisão de passar ou não pelo tratamento e viver uma vida sem ou com sofrimento é sua, ou você decide viver ou decide morrer. A escolha é sua.

TERCEIRO SIMPLES PASSO – SONHE

O sonho é o combustível de transformação do homem. Sem sonho e sem desejo o ser humano simplesmente para de crescer, progredir e prosperar.

 Seja qual for a sua situação financeira, é preciso que você sempre renove os seus sonhos e objetivos, pois serão eles que irão fazer com que você não desista dos objetivos de curto e médio prazo.

Não cometa o equívoco de desistir dos seus sonhos por causa da sua situação financeira desequilibrada e dizer: “Se não consigo nem pagar as contas básicas, como que posso me dar ao luxo de sonhar com coisa melhor?”

Não pense dessa forma, pois você não nasceu para sofrer e sim para viver uma vida em abundância. Os seus erros e decisões do passado não poderão parar você. Você não pode morrer. Sonhe!

CLAREZA – DECISÃO – SONHO

Três passos para você começar a organizar a sua vida financeira sem sofrimento.

 Entenda a real situação da sua vida, decida, aceite as consequências para mudar essa situação e sonhe pois é possível você transformar a sua vida financeira. Se você colocar isso em sua mente verá que tudo será mais fácil.

 Quando você parar para organizar os seus sonhos, suas receitas (quanto você recebe) e suas despesas (seus gastos), você terá controle da situação e mais coragem para tomar as devidas decisões.

Só depende de você para transformar essa situação e viver uma vida de paz e realizações.

Olhe para o sofrimento e para a dor de toda essa situação de forma diferente. Veja que ela foi necessária para que você chegasse até aqui e dar início a transformação da história da sua vida.

 Simplesmente pratique, coloque em ação e mude a sua história.

Se você quiser saber mais sobre como se organizar financeiramente e também uma estratégia mestra para conseguir fazer o seu orçamento sem sofrimento clique no link abaixo e baixe gratuitamente o e-book  AGORA É A HORA  (https://bit.ly/2FhqaLO)  e aprenda a organizar as suas finanças pessoais sem sofrimento.

Me acompanhe no INSTAGRAM > @diogoluizcoach

Se você gostou desse artigo ou tem alguma dúvida, deixe seu comentário abaixo.

Compartilhe com alguém que precise se organizar financeiramente.

Um grande abraço e até breve!

Diogo Luiz (Coach Financeiro)

Deixe um comentário